icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
11/12/2013
18:25

A possível irregularidade do meia da Portuguesa Héverton, na partida do último domingo, contra o Grêmio, pela última rodada do Campeonato Brasileiro está rendendo comentários. Agora, foi a vez do presidente da Federação Paulista de Futebol, Marco Pólo Del Nero, se pronunciar sobre a possível perda de pontos da Lusa na competição, caso a irregularidade seja confirmada.

Segundo o cartola, se a Portuguesa perder os pontos no campeonato não será uma virada de mesa, e, sim, um cumprimento da lei.

- Virada de mesa é o seguinte: é o clube entrar pela porta dos fundos. Quando existe um regulamente e ele não é cumprido, não é virada de mesa. Parece que a Portuguesa teve um jogador irregular. E o Flamengo também. E eles vão perder pontos. Se vão cair, eu não sei. Quem vai decidir é o tribunal - disse Del Nero, em entrevista à Rádio Globo.

Se for considerada culpada, a Lusa perderá três pontos pela irregularidade mais a pontuação obtida no jogo contra o Grêmio (um ponto). Com quatro pontos a menos, a equipe seria rebaixada e salvaria o Fluminense. O Flamengo, por sua vez, também está sendo investigado. O lateral-esquerdo André Santos também teria entrado irregular na última rodada, contra o Cruzeiro. 

Sobre o pedido do Vasco, que tenta recuperar os pontos da partida contra o Atlético-PR, alegando que, por conta da confusão entre as torcidas, o jogo foi paralisado por mais tempo que o regulamento permite, Del Nero diz que o assunto é mais complexo e tem de ficar restrito ao STJD.

- Eu acho isso mais difícil, porque temos que saber como foi isso. É um assunto que foge um pouco de nós. Tem que ficar restrito ao STJD - ressaltou.