icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
30/11/2013
20:26

São cinco jogos sem derrotas, com três vitórias e dois empates. No entanto, o bom retrospecto do Criciúma nas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro não foi suficiente para afastar a possibilidade de rebaixamento da equipe. Porém outro triunfo neste domingo, diante do São Paulo, no Heriberto Hülse, pode até deixar o Tigre com permanência garantida na Série A.

– Temos que focar nesse jogo. Vamos enfrentar um adversário complicado. Precisamos fazer uma partida equilibrada para que em cima disso buscar sair com a vitória, que é o resultado que nos interessa – destacou o treinador Argel Fucks.

O Criciúma tem 43 pontos na tabela de classificação do Brasileirão. O Coritiba, primeiro clube na zona da degola, tem 42 e, se perder para o Botafogo, no Couto Pereira, não terá como alcançar os catarinenses na 38ª rodada. Ainda há o Vasco,  18º colocado com 41 pontos. Se o Coxa e os cariocas não vencerem e os catarinenses superarem o Tricolor, o Tigre se salva do risco de queda.

O meia Ricardinho e o atacante Lins, preservados durante a semana, devem ter condições de jogo. O segundo é, com 11 gols, o artilheiro do time no Brasileirão. Wellington Paulista, que marcou no Morumbi, vem atrás com dez.

Já o clube do Morumbi não briga por nada no Nacional. Contudo, mesmo sem aspirações na competição, o técnico Muricy Ramalho vai com o que tem de melhor à sua disposição. Paulo Miranda e Denilson, suspenso e com indisposição estomacal, respectivamente, desfalcarão o time em Santa Catarina.

No primeiro turno, o Criciúma visitou o São Paulo na capital paulista e surpreendeu ao bater o Tricolor por 2 a 1. O goleiro e capitão são-paulino Rogério Ceni desperdiçou um pênalti, defendido por Galatto. Marcel e Lins marcaram os gols do Tigre, Aloísio descontou para os donos da casa.

FICHA TÉCNICA

CRICIÚMA X SÃO PAULO

Local: Estádio Heriberto Hülse, em Criciúma (SC)
Data-Hora: 1/12/2013 – 17h (de Brasília)
Árbitro: Francisco Carlos do Nascimento (Fifa-AL)
Auxiliares: Márcio Eustáquio S. Santiago (Fifa-MG) e Katiuscia M. Berger Mendonça (Fifa-ES)

CRICIÚMA: Galatto; Sueliton, Ewerton Páscoa, Fábio Ferreira e Marlon; Serginho, Elton, João Vitor e Ricardinho; Lins e Wellington Paulista – Técnico: Argel Fucks.

SÃO PAULO: Rogério Ceni, Douglas (Rafael Toloi), Rodrigo Caio, Antônio Carlos e Reinaldo; Wellington, Maicon, Lucas Evangelista e Ganso; Ademilson e Luis Fabiano - Técnico: Muricy Ramalho