icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
18/11/2014
13:10

Em agosto deste ano, Jon Jones e Daniel Cormier protagonizaram uma briga em um evento para promover o duelo entre ambos. Após se desculparem em público, o desafiante ao cinturão dos meio-pesados, nesta segunda-feira, aproveitou show da franquia de divulgação do calendário de 2015, para comentar mais sobre o atrito entre os dois.

Após a lesão no joelho de Jones e o duelo ser remarcado para o UFC 182, dia 3 de janeiro, em Las Vegas, Cormier admitiu que os dois não precisavam ter chegado às vias de fato para promover o confronto.

- Acho que a luta se vende sozinha. Não precisávamos ter de brigar, a luta se vende sozinha. São dois lutadores invictos lutando por um título. O quanto melhor pode ficar isso? - afirmou o americano.

Invicto na carreira após 15 compromissos, Cormier não escondeu a animação de poder lutar pelo título da organização contra o melhor da divisão e, segundo o ranking oficial, o número um peso-por-peso do mundo.

- Não se precisa de muita motivação para enfrentar o melhor peso-por-peso do mundo. Estou animado para enfrentar o melhor Jon Jones que tiver - finalizou.

Veja a encarada tranquila entre Jones e Cormier aos 1m26seg