icons.title signature.placeholder TÊNIS NEWS
07/02/2015
16:15

Apenas dois convites dados a brasileiros na chave principal do Brasil Open que foi sorteada neste sábado no Ibirapuera. O terceiro foi para uma jovem promessa belga por questões contratuais com a dona da data do ATP 250.

A Octagon, empresa que detém os direitos do Brasil Open, segundo maior evento do país, não havia utilizado sua opção do convite em 2014 e o fez desta vez cedendo ao belga Kimmer Coopeljans, 181º colocado e de 21 anos, que foi campeão juvenil de Roland Garros em 2012.

 A empresa impõe convites à organização por questões contratuais. Há dois anos, brasileiros foram preteridos e dois convites foram dados a espanhois, Nicolas Almagro, que não havia se inscrito na chave, e Javier Martí, promessa espanhola que nunca vingou.