icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
22/11/2013
12:05

Sem sol! Pela primeira vez nesta semana, os jogadores do Fluminense tiveram um pouco de "sombra e água fresca" no treinamento. O sol que sempre abrilhantava e esquentava o clima na sede do clube, desta vez deu uma aliviada por causa das nuvens que escureceram o céu do Rio de Janeiro.

Sob os olhares do ídolo Marcão e de Dorival Júnior, os jogadores se aqueceram por cerca de 15 minutos e depois partiram para um treinamento técnico. Por 30 minutos, trocaram passes e só podiam tocar na bola duas vezes.

Logo após o treino técnico, Dorival Júnior reuniu a possível equipe titular para uma conversa. Diego Cavalieri, Igor Julião, Edinho, Anderson, Digão, Valencia, Jean, Wágner, Rhayner, Rafael Sobis e Samuel tiveram uma breve conversa com o técnico e depois treinaram jogadas a partir da saída de bola com a defesa, enquanto os outros jogadores continuaram com o treino técnico no outro lado do campo. Durante a atividade, o treinador voltou a pedir troca de passes e velocidade para os jogadores, principalmente para Sobis e Rhayner, que devem jogar abertos diante do Santos.

Com 30 minutos de atividade, Dorival Júnior tirou Rafael Sobis e Rhayner para dar lugar a Biro Biro e Marcelinho, respectivamente. Pouco tempo depois, tirou Wágner, que demonstrou ainda estar com dores no ombro esquerdo, e colocou Felipe no meio campo.

A novidade ficou por conta das aparições de Carlinhos e Marcos Júnior. O lateral, que havia aparecido na lateral do campo no treino de quinta-feira, deu voltas no gramado, mostrando evolução na recuperação da sua leão. Já o atacante não aparecia no campo há dois dias e também ficou dando voltas no campo. Bruno e Diguinho continuaram com as suas atividades físicas diárias.

Com duas vitórias consecutivas, o Fluminense está na 15ª colocação, com 42 pontos, e volta a campo neste domingo, diante do Santos, às 17h, no Prudentão, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Dorival diz que Euzébio é dúvida e elogia Edinho e Valencia