icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
16/12/2013
13:07

Em meio ao Mundial de Clubes, o técnico Cuca recebeu uma proposta mlionária do Shandong Luneng da China, que o fez balançar no Atlético-MG. Após o torneio no Marrocos, treinador e clube irão se reunir para conversar sobre a possível saída do treinador do Galo. Recentemente, o técnico classificou a proposta como 'difícil de não aceitar'. Após o presidente Alexandre Kalil falar sobre a possível saída de Cuca, os jogadores também foram aos microfones e já falam em tom de despedida do treinador.

- Vai ser uma grande perda, ele fala nossa linguagem. Vamos deixar que ele resolva, e ficarmos só na torcida. A gente sabe que dentro do futebol existem propostas, a opção de optar pelo seu caminho. Se ele tiver que ir, desejo sorte. Mas a diretoria vai ver o melhor caminho para ele e para nós também. Se for sair, que seja com título - comentou o atacante Jô, que contou com Cuca para reencontrar seu bom futebol no Atlético-MG.

MAIS:
> Cuca não muda estilo de jogo e quer fazer o 'arroz com feijão'
> Atleticanos comentam duelo contra os donos da casa nesta quarta

O goleiro Victor comentou sobre a ótima relação com o treinador, mas desejou sucesso na nova etapa que poderá representar a independência financeira do treinador.

- Com certeza ele vai fazer falta. O time tem a cara dele, ele escolheu jogadores a dedo. Mas tem de ver o que é melhor para ele. Que ele seja feliz na China ou aqui. É uma decisão pessoal e um grande reconhecimento do trabalho dele - falou o goleiro.

Zagueiro e capitão alvinegro, Réver ainda preferiu não dar como certa a saída, mas desejou felicidade ao treinador, independente do time que Cuca irá comandar.

- Não sei se o Cuca vai permanecer ou vai embora. Primeiramente temos um compromisso muito importante. Acredito que possa ser bom para o Cuca, que fez um trabalho excepcional. Se for o melhor para ele, a gente vai torcer para que ele seja feliz aqui ou em qualquer outro lugar - concluiu.