icons.title signature.placeholder Bruno Cassucci
05/11/2014
15:58

Candidato à presidência do Santos, o empresário Nabil Khaznadar rebateu a declaração do adversário Fernando Silva, que afirmou que "a atual gestão é tão ruim que o Nabil tem vergonha de ser o candidato da situação". Em evento do lançamento da sua candidatura em São Paulo, na noite da última terça-feira, ele reuniu cerca de 250 apoiadores e fez um discurso inflamado.

Com a presença de alguns membros do Comitê e do atual presidente do Peixe, Odílio Rodrigues, Nabil afirmou:

- Não tenho vergonha, não, muito pelo contrário! Tenho orgulho do trabalho que iniciamos em 2010 e que pretendemos melhorar ainda mais. Sou situação, sim! - disse o candidato da chapa Avança Santos, que tem Carlinhos Fonseca como vice-presidente.

Odílio também discursou e apresentou número para comprovar que a sua gestão diminuiu a dívida santista. Já Nabil, enfatizou a necessidade de criar novas fontes de renda e voltou a mostrar que a área de marketing terá papel fundamental em sua gestão caso eleito. Ele também disse que o clube se afastou do torcedor nos últimos anos e precisa retomar o contato direto com seu associado e também com os conselheiros.

Além de Nabil e de Fernando Silva, a eleição santista conta com outros cinco pré-candidatos: José Carlos Peres, Modesto Roma Júnior e Orlando Rollo.