icons.title signature.placeholder Felipe Mendes, enviado especial*
icons.title signature.placeholder Felipe Mendes, enviado especial*
07/07/2013
09:50

No segundo dia oficial de disputas da Universíade de Kazan, na Rússia, o primeiro valendo medalhas, o Brasil já conquistou a sua primeira láurea. E coube ao judô garantir a presença brasileira no pódio. Rafael Buzacarini, do meio-pesado (-100kg), conquistou o bronze ao derrotar Grigori Minashkin, da Letônia, por punição.

Para chegar na medalha, Buzacarini venceu Bolot Toktogonov, do Quirguistão, por ippon, e com a mesma pontuação, superou o egípcio Mahmoud Gaballa. Nas quartas de final, o brasileiro teve uma luta complicada contra Soyib Kurbonov, do Uzbequistão, mas acabou superando o adversário por punição. Porém, na semifinal, Buzacarni acabou derrotado pelo russo Zafar Makhmadov, que contou com apoio da torcida do seu país.

Na categoria pesado (+100kg), David Silva ficou na sétima colocação. Ele venceu a primeira luta contra Emil Tahirov, do Azerbaijão, por ippon. Em seguida, também por ippon, derrotou Arturs Nikiforenko, da Letônia. Mas acabou superado nas quartas de final pelo polonês Maciej Sarnacki, por ippon. Na repescagem, o brasileiro superou o ucraniano Adrii Kolesnyk, por ippon, mas depois perdeu a chance de brigar pelo bronze ao ser eliminado pelo russo Renat Saidov, por ippon.

Ainda neste domingo, o Brasil conquistará sua segunda medalha no judô. Resta saber a cor. Rochele Nunes, da categoria pesado (+78kg), está na final. Na briga pelo ouro, ela encara a cubana Idalys Ortiz, campeã olímpica em Londres-2012.

* O repórter viaja a convite da CBDU

L!TV acompanha a linda festa de abertura da Universíade

No segundo dia oficial de disputas da Universíade de Kazan, na Rússia, o primeiro valendo medalhas, o Brasil já conquistou a sua primeira láurea. E coube ao judô garantir a presença brasileira no pódio. Rafael Buzacarini, do meio-pesado (-100kg), conquistou o bronze ao derrotar Grigori Minashkin, da Letônia, por punição.

Para chegar na medalha, Buzacarini venceu Bolot Toktogonov, do Quirguistão, por ippon, e com a mesma pontuação, superou o egípcio Mahmoud Gaballa. Nas quartas de final, o brasileiro teve uma luta complicada contra Soyib Kurbonov, do Uzbequistão, mas acabou superando o adversário por punição. Porém, na semifinal, Buzacarni acabou derrotado pelo russo Zafar Makhmadov, que contou com apoio da torcida do seu país.

Na categoria pesado (+100kg), David Silva ficou na sétima colocação. Ele venceu a primeira luta contra Emil Tahirov, do Azerbaijão, por ippon. Em seguida, também por ippon, derrotou Arturs Nikiforenko, da Letônia. Mas acabou superado nas quartas de final pelo polonês Maciej Sarnacki, por ippon. Na repescagem, o brasileiro superou o ucraniano Adrii Kolesnyk, por ippon, mas depois perdeu a chance de brigar pelo bronze ao ser eliminado pelo russo Renat Saidov, por ippon.

Ainda neste domingo, o Brasil conquistará sua segunda medalha no judô. Resta saber a cor. Rochele Nunes, da categoria pesado (+78kg), está na final. Na briga pelo ouro, ela encara a cubana Idalys Ortiz, campeã olímpica em Londres-2012.

* O repórter viaja a convite da CBDU

L!TV acompanha a linda festa de abertura da Universíade