icons.title signature.placeholder Ivo Felipe
21/12/2013
11:30

Jéssica Quintino foi cortada do grupo brasileiro que disputaria o Mundial Feminino de Handebol a apenas dois dias do embarque para Nis (SER), onde a equipe disputou a fase de classificação do torneio. Uma entorse no joelho esquerdo na reta final de preparação impediu-a de participar da histórica campanha brasileira. No entanto, ela foi lembrada no momento da classificação verde e amarela para a decisão.

Após a vitória sobre a Dinamarca, nesta sexta-feira, pela semifinal do torneio, a central Ana Paula fez questão de homenagear a ausente companheira de Seleção Brasileira. Ela passou para conceder entrevistas na zona mista da Arena Belgrado vestindo a camiseta que seria utilizada por Jéssica na competição. E ressaltou a amiga em suas primeiras palavras.

- Eu pensei em colocar a camisa da Jéssica hoje (sexta-feira) para ela sentir que ela faz parte desse grupo. Mesmo não estando aqui conosco, ela está com esse grupo desde 2009 (quando Morten assumiu o Brasil). O que ganharmos aqui, ela faz parte dessa conquista - disse a central, responsável por cinco gols na vitória por 27 a 21 sobre a Dinamarca.

Jéssica foi substituída no grupo brasileiro por Mariana Costa, uma das mais jovens do elenco, com 21 anos. Ela integrou as Seleções de base do Brasil e conta com a confiança do técnico dinamarquês Morten Soubak para o futuro.