icons.title signature.placeholder Bruno Quaresma
19/11/2013
08:03

Rogério Ceni vai igualar nesta quarta-feira a marca de Pelé e se tornar o jogador com mais partidas por um clube. O goleiro vestirá a camisa do São Paulo pela 1.116ª vez, mas o Tricolor não promoverá ações de marketing. Pelo fato do duelo com a Ponte Preta se tratar de um jogo decisivo (semifinal da Sul-Americana), as festividades ficarão para a próxima rodada do Brasileirão, partida em que o Mito irá superar o Rei, que atuou a mesma quantidade de jogos pelo Santos.

O confronto com o Botafogo teria de acontecer longe do Morumbi, pela punição que o clube sofreu, mas o departamento jurídico conseguiu efeito suspensivo e a casa são-paulina está confirmada. Mudança que caiu como uma luva para o departamento de marketing, já que uma festa no interior teria muito menos peso do que no Morumbi.

Outro fator que ajudou foi Rogério não ter enfrentado o Fluminense, domingo, no Maracanã. Se o goleiro tivesse atuado, ele já teria igualado Pelé e superaria diante da Ponte Preta. O clube até cogitava deixar a marca de lado para explorar o recorde no duelo com o Botafogo, mesmo não sendo na partida exata. Tudo para não fazer festa antes de um jogo decisivo.

Até o fim de semana, serão feitas reuniões com a presença de Rogério para definir os detalhes das comemorações. O capitão de 40 anos tem contrato até o fim do ano e ainda não anunciou se vai se aposentar ou continuar em atividade na próxima temporada.