icons.title signature.placeholder Bruno Cassucci
06/12/2013
16:41

De saída do Santos, o volante Renê Júnior, de 24 anos de idade, está de malas prontas para a China. O jogador está próximo de acertar a transferência para o Guangzhou, time que conta com outros brasileiros, como Elkeson e Muriqui. Ele já realizou exames médicos e a expectativa é de que o contrato seja assinado no começo da próxima semana.

Embora o marcador pertença ao Tombense-MG e esteja emprestado ao Peixe, o clube de Vila Belmiro também irá lucrar com a operação. Ciente do interesse dos chineses e em parceria com Eduardo Uram, empresário de Renê, o Alvinegro exerceu preferência e comprou 50% dos direitos econômicos do volante. Assim, ganhará cerca de 1 milhão de euros com o negócio, quase de R$ 3,2 milhões.

Antes, o Santos tentou renovar o empréstimo do jogador por mais um ano, mas não obteve sucesso. Outros clubes do Brasil e do exterior manifestaram interesse em contratá-lo também.

Renê já se despediu dos companheiros de Peixe e está empolgado com o novo desafio na carreira e a possibilidade de garantir uma estabilidade financeira.

Contratado no começo do ano após boas passagens por Mogi Mirim e Ponte Preta, o volante chegou como queridinho no clube. Titular com Muricy Ramalho, ele caiu nas graças da torcida e viveu boa fase. Contudo, com a chegada de Claudinei Oliveira, Renê perdeu espaço, sobretudo com o crescimento do jovem Alison, de 20 anos. Além disso, se machucou e perdeu várias partidas, tendo atuado em apenas 13 rodadas do Campeonato Brasileiro.

Atualmente, o Alvinegro conta com os volantes Alan Santos, Alison e Arouca. Assim como Renê, Marcos Assunção e Renato Abreu não permanecerão em 2014. A tendência é que garotos da base, como Lucas Otávio, ganhem mais chances no ano que vem.