icons.title signature.placeholder Felipe Bolguese
01/02/2015
16:06

O meia uruguaio Nicolás Lodeiro deve deixar o Corinthians nos próximos dias. O jogador tem uma proposta do Boca Juniors (ARG) em mãos e pediu à diretoria alvinegra para ser liberado. Os argentinos pagarão cerca de US$ 3 milhões (R$ 8 milhões) pelos 50% dos direitos econômicos que pertencem ao Timão.

Em julho do ano passado, o clube desembolsou cerca de R$ 4,5 milhões para contratá-lo do Botafogo, adquirindo metade de seus direitos. Pelo lucro e pelo desejo do jogador, o negócio deve ser fechado em breve.

O curioso é que, durante a pré-temporada nos Estados Unidos, o ex-botafoguense afirmou que havia conversado com o técnico Tite e que havia decidido não sair. Mesmo assim, seu empresário, Gerardo Cano, afirmava que seu cliente gostaria de sair - fato confirmado por Lodeiro ao próprio clube nos últimos dias.

Tite vinha optando pela mesma equipe titular do Corinthians desde os primeiros jogos da temporada 2015. Neste sábado, realizou um trabalho tático no CT Joaquim Grava e repetiu a escalação. No entanto, por conta da situação do uruguaio, fez uma alteração: Lodeiro sai para a entrada de Jadson no duelo deste domingo contra o Marília, na Arena Corinthians, pela estreia no Campeonato Paulista.

Com isso, o Timão está confirmado para a partida com: Cássio, Fagner, Felipe, Gil e Fábio Santos; Ralf, Elias, Jadson e Renato Augusto; Emerson Sheik e Guerrero.

Nos últimos dias, a imprensa argentina noticiou que o uruguaio havia recebido uma proposta do Boca Juniors (ARG). Até a última sexta-feira, a diretoria do Corinthians negava qualquer documento oficial pelo jogador. Agora, no entanto, já admite ter conhecimento da oferta e que a saída do meia é iminente.