icons.title signature.placeholder Igor Siqueira e Michel Castellar
03/12/2013
22:28

Mais uma polêmica entre os goleiros e a bola da Copa do Mundo pode estar a caminho. Depois da "novela" que foi o Mundial de 2010 por causa da Jabulani, o foco agora está na Brazuca. A nova bola, lançada pela Adidas nesta terça-feira, no Rio de Janeiro, é três gramas mais leve que a antecessora usada na África do Sul.

Pelo menos a Adidas diz que 600 jogadores de 10 países diferentes testaram a Brazuca antes de ser lançada. Entre os garotos-propaganga estão Messi, Gerrard, Xavi e o brasileiro Daniel Alves.

Segundo a fornecedora de material esportivo, a Brazuca não será problema na chuva, já que ela tem 0,2% de absorção. A bola também tem 69cm de circunferência, dentro do previsto nas regras da Fifa. O peso menor também está no limite, que é no mínimo 420 e no máximo 445 gramas.

Em 2010, Julio Cesar e Casillas, por exemplo, foram alguns dos goleiros que reclamaram da bola, que chegou a ser classificada como "horrível e horrorosa" pelo brasileiro.

Pronta pra Copa! Brazuca é apresentada no Rio de Janeiro