icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
25/03/2014
10:21

O Brasil tem uma baixa para disputa da Copa Davis, que começa no próximo dia 4. Thomaz Bellucci, 91 do mundo, não participará do Zonal Americano da competição, que visa uma vaga no Grupo Mundial, contra o Equador, em Guayaquil. Em seu lugar, o capitão João Zwetsch convocou o estreante Guilherme Clezar, número 167 do ranking, de apenas 21 anos.

Thomaz disputou a Copa Davis pela primeira vez em 2007 e, desde então, será a primeira vez que ele fica fora de uma disputa com a Seleção. No total, Bellucci participou de 25 partidas do torneio, vencendo 15 confrontos. O tenista abandonou a disputa do Masters 1000 de Miami, na semana passada, devido à problemas de hidratação.

- Jogar a Copa Davis sempre foi uma prioridade para mim. Foi uma decisão muito difícil, mas tenho que pensar na minha saúde neste momento e achar uma solução para este problema - comentou Bellucci.

- O Thomaz tem uma perda hídrica importante. Precisaremos de pelo menos duas semanas de testes para investigar tais sintomas e propor uma melhor relação de reposição energética e hídrica - destacou o médico Gustavo Magliocca.

Sem o tenista, a equipe será formada pelos duplistas Bruno Soares, 3º no ranking, e  Marcelo Melo, 5º do mundo, os tenistas de simples Rogerio Dutra Silva e Guilherme Clezar, além dos reservas Thiago Monteiro e José Pereira. O capitão segue sendo João Zwetsch, auxiliado por Daniel Melo.

No ano passado, o Brasil se classificou à disputa global, mas foi derrotado na primeira rodada pelos Estados Unidos, por 3 a 2, à época, os dois pontos do Brasil foram conquistados por Marcelo Melo/Bruno Soares e Thomaz Belluci, sendo que a República Tcheca derrotou a Sérvia na final e foi campeã da edição.

As partidas do confronto entre Brasil e Equador serão disputadas em Guayaquil e terão início no dia 4 de abril, seguindo até o dia 6. Caso vença o confronto, o Brasil retorna ao playoff do grupo mundial.