icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
13/03/2014
09:44

País de pouca tradição, a Bolívia normalmente só aparece no futebol sul-americano por conta da altitude de suas cidades, principalmente La Paz. No entanto, nesta rodada, dois de seus principais times se tornaram protagonistas da Libertadores - pelo menos por algumas noites. Em uma rodada até agora sem vitórias de brasileiros (dois empates e uma derrota), quem brilhou foi o futebol boliviano.

Difícil saber qual foi o maior triunfo: o The Strongest, que venceu o campeão argentino Vélez Sarsfield em casa, ou o Bolívar, que jogou bem e arrancou um empate do Flamengo em pleno Maracanã. O que se sabe é que o time que jogou na Bolívia ficou em melhor situação, pois agora lidera o Grupo 1. O Bolívar por sua vez tem dois pontos, está fora da zona de classificação, mas segue respirando no Grupo 7.

Quanto aos brasileiros, além do tropeço do Flamengo, o Atlético-MG também empatou, mas fora de casa contra o Nacional, do Paraguai. O ponto vem com sabor de derrota pois o Galo tomou o gol da igualdade no fim do jogo. Destino similar sofreu o Botafogo, que com dois a menos conseguia um empate heroico diante do Independiente Del Valle, mas acabou sofrendo o gol da derrota nos acréscimos.

Resultados da Libertadores

Grupo 1
The Strongest 2 x 0 Vélez Sarsfield (terça-feira, dia 11/03)

Grupo 2
San Lorenzo 1 x 0 Unión Española
I. Del Valle 2 x 1 Botafogo

Grupo 4
Nacional (PAR) 2 x 2 Atlético-MG
Zamora 2 x 1 Santa Fe

Grupo 5 (terça-feira, dia 11/03)
Defensor 2 x 0 Cruzeiro
Real Garcilaso 1 x 2 Universidad de Chile

Grupo 6
A. Nacional 2 x 2 Nacional (URU) (terça-feira, dia 11/03)

Grupo 7
Emelec 2 x 1 León (terça-feira, dia 11/03)
Flamengo 2 x 2 Bolívar

Grupo 8
D. Anzoátegui 1 x 1 Santos Laguna (terça-feira, dia 11/03)