icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
01/02/2015
16:06

Após Dana White criticar Vitor Belfort, por não aceitar lutar pelo cinturão interino dos médios diante de Lyoto Machida, depois que Chris Weidman se lesionou e deixou o UFC 184, o Fenômeno não perdeu tempo para responder o mandatário, através das redes sociais. Segundo o brasileiro, ele só aceita atuar pelo cinturão linear e afirmou que enfrenta qualquer um da divisão.

Confira o que Belfort disse:
"Gostaria de dizer que, assim como todos, estou muito decepcionado com toda essa situação. Há exatamente um ano tenho visto o meu sonho de marcar história no UFC com meu terceiro titulo mundial em uma categoria diferente adiado.

Vamos aos fatos: o UFC teve que remarcar três vezes a disputa pelo título mundial dos médios porque meu oponente se machucou. (de maio/14 para julho/14- Weidman operou o joelho, de dezembro/14 para fevereiro/15- Weidman quebrou a mão, e de fevereiro/15 para possivelmente maio/15 - Weidman machucou a costela). MEU FOCO SEMPRE FOI O CINTURÃO DOS MÉDIOS E PERSEGUI O LÍDER PARA BUSCAR A MINHA POSIÇÃO. Por isso não lutarei por um interino, mas se o UFC me der oito semanas e colocarem o Cinturão dos Médios disponível para disputa, eu luto com qualquer um do ranking. Não luto pelo Interino, luto pelo Cinturão dos pesos médios! Estou neste esporte há 19 anos e nunca deixei o UFC na mão. Aceitei lutar pelo Cinturão dos Meio Pesados logo após o desaparecimento da minha irmã e fui campeão mundial assim mesmo. Me ofereci para lutar no UFC 152 contra Jon Jones com menos de oito semanas de preparação, estava com a mesma lesão que meu oponente está agora e mesmo assim não deixei de lutar."



Gostaria de agradecer o suporte do UFC, da imprensa e dos meus fãs, sempre. O meu foco continua no Cinturão dos Médios! - escreveu Belfort, na sua página oficial do Instagram.