icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
22/11/2013
13:28

Enquanto a notícia de que Messi está insatisfeito e vai deixar o Barcelona surge na Espanha, o que mais se discute é sobre qual seria o seu futuro. De acordo com o programa Punto Pelota, da emissora Intereconomía, o argentino já estaria apalavrado com um clube "perto da Espanha", e o que surge com mais força é o Bayern de Munique, que está a apenas uma "França" de distância.

No dia 18 de outubro, o "Mundo Deportivo" publicou que o Barcelona recebeu três propostas por Messi na última janela de transferências, todas elas de clubes da Adidas, empresa que patrocina o jogador, e que estaria disposta a investir na união de time e atleta. Mais tarde descobriu-se que as ofertas eram de Bayern de Munique, Chelsea e Real Madrid, sendo que os bávaros chegaram à multa rescisória completa: 250 milhões de euros (R$ 750 milhões). Sendo metade saindo dos cofres da fornecedora.

Com os novos acontecimentos, tudo conspira para que desta vez, o negócio aconteça. São vários motivos para acreditar nisso. Apesar de todos serem "clubes tops" da Adidas, o Bayern é o conterrâneo da marca, atual campeão de tudo, e ainda é comandado por Pep Guardiola, que o treinou em seu auge no Barcelona.

Enquanto isso, no Real Madrid... Por mais que ele se possa estr se sentindo traído pelo Barcelona, ele está lá desde 2000. No Chelsea, até poderia ser, o "problema" é que ele seria comandado por José Mourinho, que foi seu rival durante muito tempo na Espanha.

Reveja alguns momentos da carreira de Messi