icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
16/07/2014
11:27

O dia será de estreia na Arena do Grêmio. Apesar de já ter vestido a camisa do clube, será a primeira partida oficial - e diante do torcedor - de Giuliano após o retorno ao Brasil. O duelo com o Goiás, às 19h30, será o primeiro passo de uma readaptação que ainda é necessária para o meia. E que pode afetar diretamente o rendimento de Barcos.

O centroavante gremista foi muito cobrado nas últimas partidas antes da parada para a Copa do Mundo por chances de gol desperdiçadas. Com a presença de Giuliano e a volta de Luan, que estava com a Seleção Brasileira sub-21 no Torneio de Toulon, o camisa 9 vê uma possível melhora.

- Sempre ter jogadores rápidos do lado é importante. Esperamos poder aproveitar, que seja positivo não só para mim mas para o grupo. Estamos nos adaptando ao Giuliano, ele chegou e se adaptou rápido, mas não fez um jogo ainda. Vai entendendo o grupo e o grupo entendendo ele. Tem muita qualidade, acreditamos nele - destacou o Pirata.

Capitão do time, o argentino procura conversar com o meia para estancar a ansiedade. Embora Giuliano tenha acumulado experiência nos três anos que ficou na Ucrânia.

- Ele está com muita expectativa, mas tranquilo. A gente dá confiança para ele para o que ele precisa e esperamos que ele possa se desenvolver. Acho que não é que falta entendimento, ele está entrando no time, ainda não jogou um jogo oficial. Depende mais dele e como ele se sente do que a gente, que estamos acostuamdos a jogar. Mas vai ser rápido, o grupo abraçou ele e não vai ter problema - completou Barcos.