icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
20/04/2014
20:19

O atacante Marcelo Moreno está longe de ser a primeira opção do técnico Marcelo Oliveira para o ataque do Cruzeiro. Neste domingo, diante do Bahia, na Arena Fonte Nova, em Salvador, o técnico escalou um time repleto de reservas e ainda assim deixou o atacante boliviano no banco – Borges foi quem começou a partida. Marcelo Moreno não viu problema, entrou na segunda etapa e fez a sua parte muito bem: anotou o gol da vitória por 2 a 1 aos 44 minutos.

Na saída do gramado, o atacante enalteceu a força do elenco cruzeirense e destacou que para o clube fazer uma boa temporada, é preciso ter mais de uma boa opção para cada posição, especialmente em um ano em que o calendário será mais apertado.

E MAIS
- Técnico do Cruzeiro destaca participação decisiva dos reservas

GALERIA DE FOTOS
- Com reservas, Cruzeiro vence o Bahia na Fonte Nova

- Nosso grupo é muito forte e isso é importantíssimo quando você tem um calendário corrido. Ainda mais nesse ano, que vai ser mais corrido que os outros por causa da Copa do Mundo - afirmou o autor do segundo gol, ao site oficial do clube.

Mesmo pouco utilizado nesse início de temporada, o atacante não abaixa a cabeça. Ele garante que tem trabalhado forte nos treinamentos para convencer o técnico Marcelo Oliveira de que pode ser mais aproveitado tanto no Campeonato Brasileiro como na Libertadores.

- A gente vem trabalhando forte as finalizações. E Deus ajuda quem trabalha. Fui muito feliz em poder ajudar o Cruzeiro novamente a vencer os jogos. A gente precisa somar pontos logo no início, porque lá na frente você não sabe se vai precisar - completou.

Os jogadores que participaram da vitória sobre o Bahia voltam aos treinos apenas na quarta-feira. O time desembarca em Belo Horizonte no fim da tarde desta segunda-feira e receberá folga na terça.