icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
22/04/2014
20:53

O atacante Everton Costa foi para casa na noite desta terça-feira. Após seis dias internado no Hospital Quinta D'Or, na Zona Norte do Rio de Janeiro, ele recebeu alta do cardiologista Gustavo Gouvêa, que está acompanhando o atleta, e vai fazer de casa o tratamento da miocardite, um processo inflamatório do músculo do coração que o fez sofrer uma arritmia durante o jogo contra o Resende, na quarta-feira passada, pela Copa do Brasil.

- O Everton recebeu alta e está bem, até mesmo ansioso para poder voltar a jogar o quanto antes. Ele vai ser monitorado em casa por um aparelho e está assintomático. Na semana que vem ele terá uma nova consulta de rotina e vai fazer a ressonância dentro de um mês. Nesse primeiro momento, a orientação é de repouso absoluto, sem esforço. Se tudo der certo no exame, vamos avaliar o que ele vai poder fazer nos próximos cinco meses, mas não será nada perto do esforço de um atleta profissional - disse  Gustavo Corrêa, em entrevista à Rádio Globo.

O jogador será acompanhado de perto neste mês e vai ser reavaliado em breve para saber a evolução da doença. Por enquanto, a recomendação é de repouso absoluto nos próximos dias, até que em breve faça uma nova ressonância magnética. O que está confirmado é que ele ficará sequer fora dos treinamentos por, pelo menos, seis meses.

Desde que soube que da gravidade da situação, o Cruz-Maltino adotou medidas de apoio ao atacante. Pelas redes sociais, divulgou uma campanha desejando força para ele. Além disso, gravou um vídeo com diversos jogadores do elenco desejando melhoras e esperando pela volta dele aos treinos.

Everton Costa chegou ao Vasco no início desta temporada. O jogador demorou a estrear pois se lesionou ainda na pré-temporada, mas depois que começou a jogar virou titular absoluto e ganhou certo destaque no esquema tático montado pelo técnico Adilson Batista.