icons.title signature.placeholder Marcelo Damato
06/12/2013
19:36

O jogo inaugural da Arena Corinthians acontecerá mesmo no dia 15 de abril de 2014, conforme declarou o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, nesta sexta-feira à tarde, logo após o sorteio da Copa do Mundo, na Costa do Sauípe (BA). Segundo ele, essa não será a de entrega da obra, como anunciou o Corinthians também nesta sexta-feira, por meio de um comunicado oficial.

A polêmica havia surgido na quinta-feira, quando o presidente da Fifa, Joseph Blatter, e o seu secretário-geral, Jérome Valcke, se contradisseram sobre o assunto, com um usando a data para o final dos trabalhos e outro para o primeiro evento-teste.

Haddad, com a ajuda do secretário estadual de esportes, Julio Semeghini, afirmou que o primeiro jogo na Arena Corinthians já será com "carga máxima". Isso significa que o estádio precisará estar lotado. O objetivo é verificar se a operação correrá conforme o previsto. Itens como tecnologia de informação, acesso, segurança, alimentação, limpeza e transporte serão checados.

Haddad revelou também que o estádio já está previsto para ser entregue no final de fevereiro, ao argumentar que o acidente com o guindaste que matou duas pessoas no canteiro em Itaquera não provocará grande atraso.

Semeghini afirmou que a construção das arquibancadas temporárias ocorrerá em paralelo à finalização da obra realizada pela Odebrecht. Ele disse ainda que as obras com as arquibancadas sob sua responsabilidade consumirão 90 dias. Sendo assim, precisam começar quase imediatamente após a virada do ano, no máximo.

Por fim, o prefeito de São Paulo afirmou que, na semana que vem, será divulgado um cronograma de obras, feito junto com a Odebrecht. Ainda não há previsão de quando a área em que ocorreu o acidente poderá ser liberada para o reinício dos trabalhos.