icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
18/11/2013
14:36

No Grande Prêmio dos Estados Unidos de Fórmula 1, neste domingo, o piloto Adrian Sutil, da Force India, precisou abandonar a prova logo após a largada. O alemão rodou e bateu na lateral da pista após um toque da Williams de Pastor Maldonado.

Após o incidente, Sutil precisou deixar a prova, mas o venezuelano se manteve na corrida - precisou apenas ajustar o aerofólio nos boxes. O alemão não poupou críticas ao piloto da Williams.

- Ele me bateu no lado esquerdo, por trás, e eu perdi logo o controle e bati nas barreiras. Não sei porque ele estava tão perto, a pista é larga. Até porque, eu mantive a linha e havia bastante espaço nos dois lados - criticou Sutil.

O alemão ainda lembrou do GP da Hungria este ano, quando Maldonado também se envolveu em acidente com outro piloto da Force India, o inglês Paul Di Resta. Sutil alega que já tentou conversar com Maldonado e que não o fará mais:

- Já conversei com ele antes, mas parece que ele está em outro planeta. Em Spa (Francorchamps), ele acertou o Paul (Di Resta) e reclamou que a culpa foi nossa.

Já Maldonado não viu o lance de tal maneira. O venezuelano tentou explicar o acidente de uma maneira diferente.

- Eu não esperava por aquele contato. Nós estávamos lado a lado e ele me ultrapassando. Ele não me viu ou pensou que estava na minha frente já. Foi estranho - analisou Maldonado.

Pastor Maldonado não continuará na Williams em 2014 e será substituído pelo brasileiro Felipe Massa na equipe. O venezuelano foi o responsável pela última vitória da Williams na F-1, em maio de 2012, no GP da Espanha.