icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
22/03/2014
14:04

Por Marcelo Tessler

'Quando uma estrutura apresenta falhas que podem causar o colapso, deve mesmo ser fechada. Mesmo quando há dúvida. Se causar este desconforto e, se há chance de uma parte estar comprometida, deve ser fechada.

A responsabilidade é sempre de quem construiu. Primeiro do proprietário, e depois da construtora. Podem ter acontecido duas coisas, provavelmente: a estrutura pode ter sido projetada errada ou pode acontecer um erro de construção. Pelo visto, foi um erro de construção. Não acredito que houve um erro de projeção. Ainda pode haver uma terceira forma de erro, que é a de manutenção.

A grande preocupação é saber a origem da falha. A construtora assumiu a reparação, na época, mas não assumiu a culpa. O Botafogo, por outro lado, disse que havia recebido o estádio "bichado".

Normalmente, quando existe uma falha, é de construção. Dificilmente, uma estrutura é mal projetada, até porque passa por muitas revisões, mas não se pode ter certeza. Eu apostaria que o erro ocorreu na construção ou na projeção, mas não posso afirmar. Caso a falha tenha sido de manutenção, o erro passaria para o Botafogo se, em contrato, o clube tivesse assumido esta responsabilidade.'