icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
14/11/2014
15:22

Finalista da Copa do Brasil e concorrente direto à uma vaga na Copa Libertadores de 2015, o Atlético-MG conta com vários grandes jogadores no atual plantel de Levir Culpi. Mas, parte desse sucesso do Galo na temporada não se deve somente ao potencial de jogadores como Diego Tardelli, Victor e Leonardo Silva. A união do grupo foi é um dos pilares da equipe, que deu provas de suas forças principalmente nos momentos mais complicados.

- A amizade no grupo é muito grande e sadia, a amizade é de todo mundo querer o bem do outro. Os jogadores são amigos, tenho amizade com Giovanni, com Réver, Leonardo Silva. Mas todos somos amigos, todos querem o bem do outro - comentou o goleiro Victor.

- Esta sendo fundamental. Nos outros jogos, contra Corinthians e Flamengo, essa união só agregou, fortaleceu nosso elenco. Os resultados estão acontecendo pela nossa entrega - foram as palavras de Marcos Rocha.

MAIS:
> Maicosuel pode ficar de fora pelo restante da temporada
> Confira o novo capítulo do especial "Atlético x Cruzeiro'

Na vitória diante do Cruzeiro, muito se comentou sobre Dátolo e Luan, autores dos gols no Independência. Os dois possuem uma grande amizade também fora de campo, o que acaba interferindo e tendo relação direta com o relacionamento dentro das quatro linhas.

- O Luan e Dátolo tem uma grande afinidade, são grandes amigos sempre andam juntos, estão juntos, concentram juntos, isso é legal, acaba refletindo o entrosamento dos dois. Não lembro de histórias, mas é fato que eles estão sempre juntos - falou Victor.

- O Luan e Dátolo concentram juntos, tem respeito um pelo outro, são grande jogadores que vem se destacando. Tenho uma amizade muito forte com o Tardelli, até por me concentrar com ele também. Tenho uma amizade com todo o elenco, um respeito um com o outro, que nos dá muita força - completou, Rocha.