icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
30/11/2013
18:05

A pressão política que os jogadores organizados no movimento Bom Senso FC fazem não acabou com a suspensão da ameaça de greve nesta rodada do Brasileirão após a diretoria do Náutico combinar o pagamento de salários atrasados de parte do elenco, nesta sexta-feira.

O zagueiro Paulo André, do Corinthians, disse que a paralisação pode ocorrer na última rodada do campeonato.

- Nós não descartamos uma greve na semana que vem. A gente vai continuar assim até que se esgote o diálogo. Os protestos são uma forma de a gente tentar demonstrar nossa insatisfação com o posicionamento da CBF - afirmou o jogador à BBC Brasil.

O Bom Senso FC conta com cerca de mil jogadores no movimento. Eles reivindicam um calendário com datas mais razoáveis no futebol brasileiro, Fair Play financeiro e trabalhista. Os jogadores já se reuniram com a CBF para tratar do pleito na mudança do calendário, mas a entidade ainda não respondeu diretamente sobre o assunto.