icons.title signature.placeholder TENIS NEWS
27/02/2015
19:42

Mónaco,  abriu a programação desta sexta-feira na quadra central do ATP 250 de Buenos Aires, torneio disputado sobre o saibro, para enfrentar o terceiro favorito ao título o uruguaio Pablo Cuevas, 24º,  que vinha de título no Brasil Open em São Paulo e semifinal no Rio de Janeiro.

Preterido pelo capitão argentino na Copa Davis, Mónaco lutou por 2h38 em um jogo muito brigado de tênis para bater a habilidade do uruguaio pelo placar de 7/6 (1) 6/7 (4) 6/4, tendo convertido cinco aces contra oito de Cuevas.

O argentino teve a vantagem em todos os sets, tendo convertido a primeira quebra de saque no nono game, sacando para a parcial e vendo o uruguaio devolver e forçar um tiebreak. No set seguinte, Mónaco conquistou a quebra mais cedo, no quinto game, sacou com 5/3 no placar para o jogo, mas sequer teve um match-point, viu Cuevas reagir, forçar o tiebreak e por consequência o terceiro set. Ali, o argentino conquistou quebra no sétimo game e sacou para a partida.

Primeiro argentino a alcançar a semifinal em casa desde a semi alçada por David Nalbandian em 2012, Mónaco busca final inédita na carreira contra o espanhol Nicolas Almagro, que em 1h de partida superou Robredo pelo placar de 6/3 6/2.

No duelo de campeões do torneio portenho, Robredo em 2009 e Almagro em 2011, melhor para Nicolas que começou a partida precisando salvar chances de quebra no quarto game e no seguinte procurou movimentar Robredo na linha de base e definir quebra com backhand na paralela. O espanhol administrou a vantagem, salvou chance de quebra no sexto game e sacou para fechar a parcial.

No set seguinte, Robredo começou mal sem conseguir definir na segunda bola, teve o serviço quebrado em duas oportunidades e viu Almagro abrir 4/0 no placar e administrar a vantagem para ampliar em 7/1 seu retrospecto.

Esta será a primeira semifinal do espanhol de Murcia em 10 meses, a última semi que Almagro disputou foi no ATP 500 de Barcelona, onde foi derrotado pelo colombiano Santiago Giraldo, um dia após ter conquistado sua primeira vitória contra Rafael Nadal na carreira. Da quadra em Barcelona, Almagro chegou à coletiva de imprensa de muletas, disputou duas rodadas no Masters 1000 de Madri e se retirou na estreia em Roland Garros para iniciar um tratamento com cirurgia no pé, que o afastou das quadras por oito meses.

Almagro tem retrospecto de 6/3 contra Mónaco no circuito. Os dois jogaram uma vez em Buenos Aires com vitória para o tenista de Tandil em 2007.