icons.title signature.placeholder Bruno Cassucci
19/02/2015
19:04

Quase duas semanas depois de torcer o joelho direito em clássico contra o São Paulo, o volante santista Alison fará exame na próxima segunda-feira a fim de constatar a gravidade de sua lesão. Ele será submetido a uma ressonância magnética, em São Paulo, e corre o risco de ter de realizar uma cirurgia e ficar por mais de seis meses longe dos gramados. A avaliação não ocorreu antes porque o local estava muito inchado.

O departamento médico do Peixe evita comentar o assunto antes da avaliação, mas a diretoria alvinegra está preocupada. Além de Alison ser titular do meio da equipe, o elenco santista carece de opções para o lugar dele. Atualmente, Leandrinho, Lucas Otávio e Valencia disputam a posição. Além disso, a direção entende que Renato, de 35 anos, não deve aguentar a maratona de jogos.

Por isso, internamente a cúpula do clube estuda uma reposição para Alison. Depois do diagnóstico da lesão do volante e o tempo de tratamento estimado, a diretoria vai avançar no assunto. No entanto, uma troca na lista de inscritos no Paulistão só poderá ser feita na fase final da competição. Além disso, o mercado de transferências já está praticamente fechado, o que dificulta a contratação de reforços para antes do Brasileirão.

Aos 21 anos, Alison já realizou duas cirurgias no joelho direito. O jovem tem contrato com o Peixe até 2017.