icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
02/04/2014
14:35

A eliminação do Coritiba nas semifinais do Campeonato Paranaense e o envolvimento com o clube quase garantiram a aposentadoria de Alex antes do previsto. Mas ele foi convencido por companheiros, amigos e torcedores a permanecer no clube. Outra certeza confirmada pelo jogador em entrevista coletiva concedida na manhã desta quarta-feira, no CT da Graciosa, foi a data da sua aposentadoria: Alex deixará de ser jogador profissional com o término do Campeonato Brasileiro deste ano, no dia 8 de dezembro, um dia após o Coritiba enfrentar o Bahia no Couto Pereira.

– Eu já penso há muito tempo, como seria, como vai ser. Comentei com algumas pessoas, que ao final do Paranaense poderia me retirar. E como a internet hoje em dia tomou essa proporção. Mas vou seguir, vou jogar até dezembro, vou cumprir meu contrato até o fim – disse o camisa 10 do Alviverde, antes de falar sobre o apoio que recebeu dos companheiros:

– Cheguei a dizer que viria ao clube somente para me despedir, mas teve um grupo de dez jogadores que me encheu muito o saco (para ficar). Esse grupo é fantástico.

O camisa também citou a conversa que teve com Tcheco. O ex-jogador comandou o Coritiba nos últimos jogos do Brasileirão-2013, quando o Alviverde lutava contra o rebaixamento, e, atualmente, responde como gerente de futebol do clube.

– Tive, com o Tcheco, talvez uma das conversas mais emocionantes da minha carreira. Temos trajetórias parecidas, desde o futsal até hoje. Não foi uma pessoa que determinou essa escolha, mas uma série de elementos que me ajudaram a construir uma reflexão e me levaram a essa tomada de decisão – destacou.

Alex confirmou que deixará o futebol ao término do próximo Campeonato Brasileiro no dia em que completou 19 anos de carreira. Ele fez a sua primeira partida como profissional no dia 2 de abril de 1995, quando o Coritiba venceu o Iraty, por 3 a 1, em jogo válido pelo Paranaense.

– Tudo na vida tem um momento e esse é o meu prazo de validade. Hoje faço 19 anos de carreira. Infelizmente não vou completar 20 anos, mas estou feliz e realizado – disse o apoiador sobre a data.