icons.title signature.placeholder David Nascimento e Walace Borges
17/04/2014
07:24

O contrato para patrocínio na manga do uniforme até o fim do ano por R$ 5,3 milhões, selado entre o Flamengo e a Viton 44, fecha a conta de patrocinadores da camisa rubro-negra, entrando na lista que já tinha Caixa, Peugeot, Tim e Adidas (confira os valores abaixo). O acordo também fez o vice de marketing da equipe da Gávea, Luiz Eduardo Baptista, cumprir promessa do início de 2013, quando afirmara não descansar até atingir a meta de R$ 80 milhões conquistados a partir dos patrocínios na camisa do clube.

Dono da Viton 44, Neville Proa justificou o investimento realizado pela empresa no Flamengo. A marca ficou conhecida pelos torcedores no mundo do futebol por patrocinar o Botafogo.

– Fiz esse investimento porque estamos em um ano de Copa do Mundo. A exposição da marca na final do Campeonato Carioca foi absurda, na manga do Flamengo então... Fico feliz que tenha trazido resultado e vamos manter até o fim do ano com a torcida de que tudo dê certo – justificou Proa, em entrevista ao LANCE!Net.

E MAIS!
> Chicão, sobre chance no Flamengo: 'Já mostrei minhas qualidades'
> Mais um na barca! Feijão se despede do Flamengo e retorna ao Bahia
> VÍDEO Jogadores do Fla recebem carinho da torcida durante treino

Até que o contrato seja aprovado pelo Conselho Deliberativo do Flamengo, a Viton 44 aparecerá no uniforme com status de pontual - como acontecera no segundo jogo da final do Campeonato Carioca contra o Vasco -, rendendo R$ 100 mil ao Rubro-Negro por jogo. O procedimento já será adotado na estreia da equipe da Gávea no Campeonato Brasileiro, neste domingo, contra o Goiás, em Brasília.

Patrocinadores do uniforme do Flamengo

Caixa = R$ 25 milhões
Peugeot = R$ 9 milhões
Viton 44 = R$ 5,3 milhões
Tim = R$ 3 milhões
Adidas = R$ 38 milhões
TOTAL = R$ 80,3 milhões

Bate-Bola
Neville Proa
Dono da Viton 44, em entrevista ao L!Net

Como é patrocinar outro clube a não ser o Botafogo?
Era um sonho que eu tinha. O trabalho no Carioca me deu uma força a mais para investir em outro clube que não fosse o Botafogo. Acho que é o momento ideal para fazer isso, mas vou analisar como as coisas vão ficar até o fim do ano.

É possível ampliar o patrocínio com o Flamengo em outros anos?
Deixamos marcada para setembro ou outubro uma reunião para entender os prós e os contras da parceria e ver se poderemos ampliá-la em mais anos.

Acredita que o Botafogo possa ficar insatisfeito por conta disto?
Nunca teve nada no meu contrato com o Botafogo que me impedisse de trabalhar com outro clube. É claro que o Guaraviton está com a marca ligada ao Botafogo, mas não podemos nos prender a isso. Conversei com eles antes de fechar o patrocínio com o Flamengo e não tive problemas quanto a isto. 

Conversa por renovação com a Caixa

O Flamengo já deu início às conversas para a renovação do contrato de patrocínio com a Caixa, que atualmente ocupa o espaço master do uniforme rubro-negro. O banco estatal tem o atual vínculo válido até o início do próximo mês e pagou neste primeiro ano de parceria com o clube o valor de R$ 25 milhões.

Na rodada de renegociação, o Flamengo pretende aumentar para até R$ 30 milhões o montante a ser pago pela Caixa. O clube alega estar com uma melhor imagem junto aos patrocinadores por conta de pagar em dia os impostos.

A tendência é a da renovação acontecer sem problema. Porém, o valor do patrocínio destinado ao Flamengo pode permanecer o mesmo. Definições do caso devem ocorrer apenas no início de maio.