icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
12/06/2014
19:06

De acordo com as súmulas disponíveis no site da Fifa, já foram feitos 36 gols contra na história das Copas do Mundo. O marcado por Marcelo a favor da Croácia, nesta quinta-feira, não foi o primeiro em aberturas. Na Copa da França, em 1998, a Seleção Brasileira foi beneficiada justamente por causa de um gol contra, e venceu a Escócia por 2 a 1 no Stade de France.

Sob o comando de Zagallo, a então campeã mundial abriu o placar aos cinco minutos do primeiro tempo, com gol do hoje aposentado César Sampaio. Os europeus empataram o placar aos 38, com o meia Collins. Já aos 28 da etapa complementar, após jogada na intermediária, Cafu bateu cruzado e o zagueiro Boyd desviou a trajetória da bola com o peito para enganar o goleiro Leighton. Resultado final: vitória por 2 a 1 do Brasil sobre a Escócia.

Três Copas do Mundo após o que era o único gol contra da história das estreias, Marcelo repetiu a escrita. Após cruzamento de Olic pela esquerda, Jelavic desviou no meio do caminho e o lateral-esquerdo atirou contra a própria meta. O placar oficial da Fifa, momentos depois, registrou gol contra do brasileiro na abertura do Mundial. Com dois de Neymar e mais um de Oscar, estes a favor, a Seleção conseguiu reverter a desvantagem e saiu com os três pontos.

Boyd, responsável pelo gol contra de 1998, conversou com o LANCE!Net em 2011, lembrando que ficou marcado como vilão pelo povo escocês graças ao gol contra. Para o europeu, o futebol da Escócia podia ter evoluído caso a seleção não perdesse para o Brasil na estreia da Copa da França.

Marcelo foi o segundo da história a fazer gol contra em aberturas de Copa (Foto: AFP)