Juan Martin Del Potro

Juan Martin Del Potro (Crédito: André Valle)

TÊNIS NEWS
03/07/2016
11:19
LONDRES (ING)

Depois de a falta de luz forçar a paralisação do confronto entre Lucas Pouille, fa França, e Juan Martín del Potro, da Argentina, quando o placar marcava 6/7 (4) 7/6 (8) 7/5, os dois voltaram à quadra, e o que se viu foi um Pouille muito superior.

Ontem, o jogo teve até briga. Ao fim da terceira parcial, Del Potro começou a pedir ao árbitro de cadeira, Fergus Murphy, para suspender o jogo e, com condições de jogar, Pouille argumentava o contrário. Ao meio de uma conversa entre o francês e o árbitro, Delpo interviu e o rival perdeu a paciência o mandou calar a boca e os dois discutiram.

Ao contrário dos três primeiros sets, o 30º do ranking e 32º favorito em Londres retornou, distribuiu aces, pancadas e devoluções profundas, e, finalizando com uma sutil curtinha, fez 6/1 em Delpo, 165º da ATP, e, em 2h47min, acabou com a feliz jornada do argentino no All England Club, que incluiu um grande triunfo sobre Stan Wawrinka, 4º do mundo, na segunda fase.

Agora, o jovem francês, que faz sua melhor campanha em Wimbledon, enfrentará, nas oitavas de final, o australiano Bernard Tomic, 19º da lista e quadrifinalista do evento em 2011.