TÊNIS NEWS
18/02/2016
18:53
RIO DE JANEIRO

A brasileira Paula Gonçalves está nas quartas de final do Rio Open. A paulista de 25 anos, apenas a 285ª da WTA, venceu Johanna Larsson, 48ª e segunda favorita ao título, por duplo 6/4, em 1h37, e conseguiu o melhor resultado da carreira em simples.

No primeiro set, a sueca quebrou o saque da paulista logo no terceiro game, e o jogo seguiu com as duas mantendo os serviços até o 4/3. Depois de Paula lutar muito no game anterior, veio a recompensa: ela foi para cima da sueca, abriu 0/40 no oitavo game e, na segunda chance, quebrou Larsson. Confirmando facilmente o saque seguinte, teve 0/40 mais uma vez no décimo game, com Johanna sacando em 4/5. Novamente na segunda chance, a brasileira fechava o set.

Na segundo parcial, Larsson repetiu a dose e tomou a saque da tenista brasileira; desta vez, no primeiro game. Porém, Paula não quis bobear e, depois de um longo segundo game, igualou a etapa. Então, como uma repetição da primeira parcial, os saques foram sendo confirmados, até chegar ao 4/3. Ali, Gonçalves foi novamente para cima, teve o 15/40 e não desperdiçou a oportunidade: ela fez 5/3 e sacaria para o jogo. Entretando, fechar nunca é fácil, e Larsson conseguiu recuperar a quebra. Faltava, ainda, a sueca sacar no décimo game e empatar o jogo. E isso não foi possível. Pulando logo na frente no game, Paula fez 15/40 e, com uma bola na fita, alcançou o maior resultado de sua carreira: pela primeira vez, ela está nas quartas de final de um WTA International.

Agora, ela, que veio do qualifying e no início da semana disse que estava mais preocupada com as duplas, pega a americana Shelby Rogers, 131ª na lista, dos Estados Unidos, por uma vaga na semifinal.