Andy Murray

Andy Murray sofreu, mas passou

TÊNIS NEWS
25/05/2016
16:48
PARIS (FRA)

O jovem francês Mathias Bourgue, de 22 anos, apenas o 164º do ranking mundial, falou, em entrevista coletiva, sobre a duríssima derrota que sofreu, em mais de 3h30min de partida, para o 2º colocado, Andy Murray, por 6/2, 2/6, 4/6, 6/2 e 6/3.

“Perder para Murray já era o que eu esperava. Então, não entrei tão tenso”, admitiu. “Consegui uma quebra. Depois, outra. De repente, eu pude relaxar e jogar com a torcida. Pude administrar [a si mesmo] e manter-me no controle das [minhas] emoções”, elucidou.

Bourgue comentou que essa foi provavelmente a melhor atuação de sua carreira, mesmo que apoiado numa atuação não tão boa do escocês.

“Não sei se alguma vez na vida [eu] joguei tão bem. É interessante, não senti que estava no [meu] limite. Senti-me bem”

“Mais uma vez: ele não estava jogando de forma tão intensa. Senti que ele estava me dando tempo para jogar e decidi apenas aceitar os ralis e, de vez em quando, fazer uma grande jogada. Foi o que eu fiz”, explicou o 164º do ranking, finalizando.

“Nesse ponto, o nível do jogo estava muito alto. Estou bem satisfeito quanto a alguns dos winners que pude executar”.