HOME - Rafael Nadal vence na estreia no Rio Open (Foto: Marcelo Cortes/Fotoarena/LANCE!Press)

HOME - Rafael Nadal vence na estreia no Rio Open (Foto: Marcelo Cortes/Fotoarena/LANCE!Press)

TÊNIS NEWS
14/03/2016
10:53
Indian Wells (EUA)

Depois de bater o luxemburguês Gilles Muller, 45º colocado, por 6/2 2/6 7/4, Rafael Nadal respondeu com fúria sobre os comentários da ex-Ministra da França, Roselyne Bachelot, que acusou o atual quinto do mundo de se dopar.

"Trabalhei duro desde os cinco anos de idade e minha carreira toda pra ter o sucesso que tive e sempre no caminho correto, treinando com paixão, intensidade e amor ao esporte. Ouvi algumas vezes esses comentários e esta foi a última vez pois vou entrar com processo. Estou cansado disso, deixei correr muitas vezes, agora não mais, vou processar. Escutar esses comentários de uma pessoa que deveria ser séria, pois foi Ministra de um país importante como a França. Estou cansado disso tudo", disse Nadal que também destacou que irá processar a todos que o acusam de ter trapaceado.

"Não foram muitos (comentários sobre doping), algumas vezes. Eu não ligo como cheguei aqui. As pessoas que me conhecem, sabem muito bem como cheguei onde estou. Antigamente não queria processar as pessoas pois não achava que elas estavam falando sério. Mas uma Ministra a França deveria ser. Essa vez me voltarei contra ela e vou fazer o mesmo com outros pois é muito pra mim".

O dono de 14 Grand Slams e quatro títulos em Indian Wells comemorou a vitória difícil contra Muller: "As condições estavam duras, estou muito feliz com a vitória, as últimas três partidas no terceiro set tinha perdido, precisava de uma vitória assim.EStou muito feliz com minha atitude durante todo o jogo. Estava difícil enfrentar um rival que sacava bem. Foi uma grande vitória pra mim".

Seu próximo rival, na terça-feira, será o espanhol Fernando Verdasco o qual perdeu três dos últimos quatro jogos, incluindo batalha no Australian Open em cinco sets em janeiro: "Preciso jogar melhor contra um duro oponente. Verdasco. Me ganhou na Austrália".