Andy Murray

Ben Solomon

Tênis News
28/04/2017
16:42
Barcelona (Espanha)

O líder do ranking mundial, Andy Murray, sofreu e muito para se vingar do espanhol Albert Ramos Viñolas, 19º do mundo, e após uma batalha de 3h se garantir na semifinal do ATP 500 de Barcelona, na Espanha, onde encara o austríaco Dominic Thiem.

Após ser eliminado prematuramente por Ramos na chave do Masters 1000 de Monte Carlo, Murray recebeu o convite para a disputa em Barcelona, onde pode se vingar de seu algoz uma semana após a derrota no Masters monegasco. Foram 3h exatas de partida para que o escocês aplicasse a virada em 2/6 6/4 7/6 (4) tendo convertido dois aces contra dois de Ramos Viñolas, que venceu 63% dos pontos jogados com seu primeiro serviço contra 72% de aproveitamento de Murray.

A partida começou com o escocês confirmando game de zero, mesmo tento trabalhado com segundo serviço e pressionando na devolução no saque do rival. A situação começou a mudar para Ramos já no terceiro game, onde contando com erros do rival, conquistou a quebra de saque, seguiu pressionando e após ver Murray salvar três breakpoints, conquistou nova quebra no quinto game, abriu 5/1 no placar e administrou.

No segundo set, o jogo passou a ser mais equilibrado em erros e acertos dos dois tenistas e seguiu muito parelho até o sexto game, com ambos confirmando seus saques. No sétimo game, Murray precisou arriscar com bolas curtas para salvar dois breakpoints e novamente passou sufoco no nono game, onde se viu obrigado a salvar três breakpoints e fazer 5/4 no placar. No game seguinte, em sua primeira chance de quebra na partida, o escocês conquistou e forçou o terceiro set.

Ali, Ramos começou firme e vibrante, conquistou a quebra no primeiro game, abriu 2/0, mas bobeou, viu o rival igualar a disputa e os games ficaram ainda mais disputados. Com torcida contra, Murray voltou a ser quebrado em erros bobo no nono game, viu o espanhol sacar para a partida, mas pressionou e devolveu a quebra antes que o rival tivesse ponto para fechar o jogo. A disputa seguiu e foi para o tiebreak.

Nele, Murray abriu 4/0 com duas mini-quebras, cometeu erro bobo e viu o espanhol evolver uma das mini-quebras, mas seguiu sólido no saque e em novo erro não forçados de Ramos fechou a partida.

Garantido na semifinal em Barcelona pela primeira vez na carreira, Murray encara o austríaco Dominic Thiem, que superou o japonês Yuichi Sugita por 6/1 6/2.

Thiem e Murray já se enfrentaram duas vezes no circuito profissional, ambas vencidas pelo escocês e realizadas em quadra rápida.