John Isner

John Isner mostrou tranquilidade em relação a ameaça do Zika Vírus (Foto: Divulgação)

TÊNIS NEWS
16/02/2016
00:52

No único jogo do dia da chave masculina por conta da forte chuva e dos problemas na quadra central, o argentino Guido Pella, 71º colocado, salvou três match-points, venceu batalha de 3h01min e eliminou o quarto favorito, o americano John Isner, 11º.

O argentino marcou 2 sets a 1 com parciais de 7/6 (7/5) 5/7 7/6 (10/8) na quadra Guga Kuerten, a principal do maior torneio da América do Sul.

O jogo largou equilibrado e foi paralisado no 6/5 para o argentino por conta do temporal. A organização não cobriu a quadra e o entupimento dos ralos imprevisto fez com que o duelo fosse retomado uma hora após os jogos das outras quadras, em torno das 22h no horário de Brasília.

No retorno o argentino foi mais valente, venceu no detalhe e Isner jogou a raquete de irritação.

Isner, que disparou 31 aces, foi tendo chances de quebra, salvou um match-point no 4/5 e confirmou logo a seguir conseguindo a quebra para empatar o encontro.

Na etapa final o americano perdeu sete chances de quebra, salvou mais dois match-points no 4/5 e levou para mais um tie-break. Pella abriu 3 a 0, Isner igualou e o duelo foi saque a saque com match-points salvos. O gigante de 2m08 teve duas chances não concretizadas e uma no saque, salvo com ponto firme da base do sul-americano que converteu sua quarta com bela passada em subida frustrada do tenista americano.

Esta foi a primeira visita do grandalhão a um torneio brasileiro e a primeira na gira sul-americana onde perdeu também na estreia em Buenos Aires, na Argentina, diante do sérvio Dusan Lajovic.

Pella encara Gastão Elias, que veio do quali, ou o colombiano Santiago Giraldo.