Andre Agassi foi ouro no tênis em 1996; Steffi Graf ganhou sua medalha dourada em 1988

Reprodução/Instagram

Tênis News
19/08/2016
14:43
Nova York (Estados Unidos)

A alemã ex-número um do mundo, Steffi Graf, conversou com a CNN esta semana em que falou bastante sobre a atual líder da WTA, Serena Williams, e a estrela em ascensão, sua compatriota Angelique Kerber, campeã do Australian Open e prata nos Jogos do Rio.

Graf, que é casada com o ex-número um do mundo, Andre Agassi, está em Nova York para participar de eventos de promoção do tênis e por isto falou à CNN.

"Estou muito feliz e esperançosa por ela", declarou ao ser questionada sobre a possibilidade de Serena conquistar em Nova York o título do US Open, que seria seu 23º título de Grand Slam, uma mais que o recorde de Graf. "Acredito que é bonito que os recordes sejam rompidos, é para isso que estão lá. Ela é um fenômeno do tênis, tem sido espetacular assist[i-la e realmente espero que ela supere esse recorde", pontuou.

A senhora Agassi ainda foi questionada sobre Angelique Kerber, que foi a primeira alemã desde ela, na Era Open, a conquistar um título de Grand Slam, e que está na briga direta pela liderança do ranking: "A conheci nos últimos anos em que veio para algumas atividades da Adidas que temos (ela e o marido) em Las Vegas e fazemos um 'campus' de tênis ali. Fisicamente é muito forte, é uma trabalhadora nata", pontuou.

Para a ex-tenista, Kerber pode tudo: "Já joga e ganha grandes finais. Ganho o Australian Open, pode fazer de tudo", finalizou.