Novak Djokovic

Divulgação AELTC

TÊNIS NEWS
03/10/2017
16:33
Belgrado (Sérvia)

Novak Djokovic, afastado das quadras desde Wimbledon com uma lesão no cotovelo, só volta a jogar em 2018 iniciando o ano na Austrália com torneio ainda a definir. Seu fisioterapeuta, o argentino Ulises Baldo conversou com o jornal La Nacion e destacou a importância da parada.

"Ele teve uma lesão significativa e estamos trabalhando para deixá-la sob controle. O tempo é crucial para que ele fique melhor. A decisão de não jogar no restante de 2017 foi importante. Ele pode atingir uma flexibilidade incrível, tem uma estrutura fisiológica que ajuda muito. Estamos fazendo quatro sessões diárias de alongamento", disse Ulises.

Ulises também destacou a importância de Andre Agassi ter se mantido como treinador de Novak: "É muito bom. Li seu livro e achei emocionante. Agora posso falar com ele pessoalmente e ver que é uma pessoa cativante".