icons.title signature.placeholder TÊNIS NEWS
icons.title signature.placeholder TÊNIS NEWS
21/08/2015
12:57

Após sequer tomar conhecimento do sul-africano Kevin Anderson, 15º do ranking da ATP, e em menos de uma hora aplicar um duplo 6/1 pelas oitavas no Masters de Cincinnati, nos Estados Unidos, Roger Federer está muito satisfeito com sua performance.

"Definitivamente me sinto melhor que nos outros dias. Sinto-me bem na devolução, no saque, estou vendo melhor a bola. É um prazer jogar desta maneira porque isso não acontece com muita frequência de se sentir, assim, bem. Então você tem que aproveitar isto, mas, infelizmente, você rapidamente precisa olhar a frente e focar", disse o suíço dono de 17 títulos do Grand Slam em simples.

Sobre sua partida contra Anderson, Federer mostrou-se muito satisfeito: “Eu joguei um grande jogo, estou muito satisfeito porque que sabia o quão difícil seria este desafio. Eu treinei com Kevin semana passada aqui, então eu perdi os dois sets que jogamos no treino, então estou muito feliz de ter sido capaz de vencê-lo esta noite".

Federer comentou o encontro com o espanhol Feliciano López, algoz de Rafael Nadal e seu próximo adversário na competição:  “Joguei muito contra ele na minha vida. Voltando atrás, lá no torneio dos campeões europeus sub 16, sub 18, quando perdi as duas vezes pra ele", contou Federer.

“Então, no circuito, não acho que perdi pra ele, mas nós jogamos em diferentes condições e nós nos conhecemos muito bem por causa disso tudo", disse o suíço que tem 11/0 no confronto direto contra o espanhol. "Hoje era um jogo duro pra ele, que jogou muito bem. Obviamente todo mundo sabe o quanto ele pode sacar bem. Ele também bateu (Milos) Raonic aqui e agora Rafa (Nadal. Claramente ele está em forma", completou.

Após sequer tomar conhecimento do sul-africano Kevin Anderson, 15º do ranking da ATP, e em menos de uma hora aplicar um duplo 6/1 pelas oitavas no Masters de Cincinnati, nos Estados Unidos, Roger Federer está muito satisfeito com sua performance.

"Definitivamente me sinto melhor que nos outros dias. Sinto-me bem na devolução, no saque, estou vendo melhor a bola. É um prazer jogar desta maneira porque isso não acontece com muita frequência de se sentir, assim, bem. Então você tem que aproveitar isto, mas, infelizmente, você rapidamente precisa olhar a frente e focar", disse o suíço dono de 17 títulos do Grand Slam em simples.

Sobre sua partida contra Anderson, Federer mostrou-se muito satisfeito: “Eu joguei um grande jogo, estou muito satisfeito porque que sabia o quão difícil seria este desafio. Eu treinei com Kevin semana passada aqui, então eu perdi os dois sets que jogamos no treino, então estou muito feliz de ter sido capaz de vencê-lo esta noite".

Federer comentou o encontro com o espanhol Feliciano López, algoz de Rafael Nadal e seu próximo adversário na competição:  “Joguei muito contra ele na minha vida. Voltando atrás, lá no torneio dos campeões europeus sub 16, sub 18, quando perdi as duas vezes pra ele", contou Federer.

“Então, no circuito, não acho que perdi pra ele, mas nós jogamos em diferentes condições e nós nos conhecemos muito bem por causa disso tudo", disse o suíço que tem 11/0 no confronto direto contra o espanhol. "Hoje era um jogo duro pra ele, que jogou muito bem. Obviamente todo mundo sabe o quanto ele pode sacar bem. Ele também bateu (Milos) Raonic aqui e agora Rafa (Nadal. Claramente ele está em forma", completou.