Djokovic - ATP

Novak Djokovic ATP (Foto: AFP)

TÊNIS NEWS
22/11/2015
11:36
Londres (ING)



Após vencer o espanhol Rafael Nadal e se garantir na grande final do ATP Finals de Londres, o líder do ranking da ATP Novak Djokovic, que vem vivendo o melhor ano de sua carreira, tem opinião contrária a seu rival e não se ente "imbatível".

"Eu não me sinto imbatível, mas me sinto bem em relação ao que joguei hoje. Eu ditei o ritmo, o jogo, a maioria dos rallys, senti como se estivesse acima do meu rival. Tem dias em que você não se sente bem e precisa achar um meio para vencer", declarou ao ser questionado sobre as declarações de Nadal, que o julgou imbatível no momento.

"Eu venci muitos jogos este ano, e claro, isso faz diferença em termos de abordagem, de abordagem otimista para os jogos e a confiança no meu nível em quadra. É um pouco diferente quando você sabe que não tem perdido há muito tempo. Especialmente cotra Rafa, eu venci o último no melhor de três sets que jogamos contra (a final do ATP 500 de Pequim, há um mês). Isso desempenha um papel importante para a abordagem mental que se dá nestes enfrentamentos", analisou o sérvio que espera jogar melhor do que fez no começo da semana diante de Roger Federer na decisão deste domingo às 16h. Ele perdeu na terça-feira por 7/5 6/2.

“Perdi três vezes no ano para Roger. Quando ele está ligado é difícil enfrentá-lo, ele gosta de jogar contra mim, ele varia os golpes e tira o tempo do adversário. Espero jogar melhor do que fiz dias atrás. A vitória de hoje me faz acreditar que posso".