icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
25/08/2015
16:50

O último dia da janela da etapa de Teahupoo, a sétima do Circuito Mundial de Surfe (WSL), começou nesta terça-feira com a disputa do quinta round. E não começou muito bem para os brasileiros. Afinal, apenas Italo Ferreira se juntou a Gabriel Medina como representantes do Brasil nas quartas de final.

A primeira bateria do quinta round foi totalmente verde e amarela. Italo Ferreira não encontrou qualquer dificuldade para eliminar Felipe Toledo, que esteve irreconhecível na disputa por um lugar nas quartas de final. O resultado diz o motivo: o surfista potiguar, que estreia neste ano na elite do surfe mundial, goleou o compatriota: 15.00 contra zero. Agora, ele enfrenta nas quartas de final o australiano Owen Wright.

A segunda bateria contou também com presença brasileira. Mesmo com uma série bem irregular de ondas, Bruno Santos e o australiano Kai Otton fizeram um duelo que só foi definida nos últimos segundos. Contudo, o gosto amargo ficou com o surfista carioca (teve a chance de vencer na última onda, mas caiu), que foi derrotado por um placar apertado e deu adeus as chances de seguir na etapa de Teahupoo:  13.50 a 11.76. Nas quartas de final, Otton terá pela frente o atual campeão mundial Gabriel Medina.

O último brasileiro a cair na água na quinta rodada foi Wiggolly Dantas. E o roteiro do surfista paulsita foi bem parecido com o de Bruno Santos. Em uma disputa bem acirrada, ele acabou derrotado pelo francês Jeremy Flores por uma diferença de 0.14: 13.37 contra 13.23. 

Veja os confrontos das quartas de final. Vale lembrar que a etapa de Teahupoo será encerrada nesta terça-feira.

Owen Wright (AUS) x Italo Ferreira (BRA)
Gabriel Medina (BRA) x Kai Otton (AUS)
Josh Kerr (AUS) x C.J. Hobgood (EUA)
Jeremy Flores (FRA) x Kelly Slater (EUA)  

O último dia da janela da etapa de Teahupoo, a sétima do Circuito Mundial de Surfe (WSL), começou nesta terça-feira com a disputa do quinta round. E não começou muito bem para os brasileiros. Afinal, apenas Italo Ferreira se juntou a Gabriel Medina como representantes do Brasil nas quartas de final.

A primeira bateria do quinta round foi totalmente verde e amarela. Italo Ferreira não encontrou qualquer dificuldade para eliminar Felipe Toledo, que esteve irreconhecível na disputa por um lugar nas quartas de final. O resultado diz o motivo: o surfista potiguar, que estreia neste ano na elite do surfe mundial, goleou o compatriota: 15.00 contra zero. Agora, ele enfrenta nas quartas de final o australiano Owen Wright.

A segunda bateria contou também com presença brasileira. Mesmo com uma série bem irregular de ondas, Bruno Santos e o australiano Kai Otton fizeram um duelo que só foi definida nos últimos segundos. Contudo, o gosto amargo ficou com o surfista carioca (teve a chance de vencer na última onda, mas caiu), que foi derrotado por um placar apertado e deu adeus as chances de seguir na etapa de Teahupoo:  13.50 a 11.76. Nas quartas de final, Otton terá pela frente o atual campeão mundial Gabriel Medina.

O último brasileiro a cair na água na quinta rodada foi Wiggolly Dantas. E o roteiro do surfista paulsita foi bem parecido com o de Bruno Santos. Em uma disputa bem acirrada, ele acabou derrotado pelo francês Jeremy Flores por uma diferença de 0.14: 13.37 contra 13.23. 

Veja os confrontos das quartas de final. Vale lembrar que a etapa de Teahupoo será encerrada nesta terça-feira.

Owen Wright (AUS) x Italo Ferreira (BRA)
Gabriel Medina (BRA) x Kai Otton (AUS)
Josh Kerr (AUS) x C.J. Hobgood (EUA)
Jeremy Flores (FRA) x Kelly Slater (EUA)