Gabriel Medina durante a disputa da etapa de Peniche do WCT de surfe (Foto: Divulgação)

Gabriel Medina venceu sua bateria em Maresias (Foto: Divulgação)

LANCE!
04/11/2015
11:25

A última etapa do Circuito Mundial só será no início de dezembro, enquanto isso, alguns brasileiros da elite do surfe fazem o aquecimento na etapa do WQS em Maresias, litoral norte de São Paulo. Um deles é Gabriel Medina, que é natural do pico. Atuando em casa, o atual campeão mundial não decepcionou e venceu a 12ª bateria da primeira rodada da competição nesta quarta-feira. O segundo classificado foi Samuel Pupo, irmão de 15 anos de Miguel Pupo.

Com show de aéreos, uma de suas marcas, Medina acabou conseguiu 14,94 pontos na prova, com um 6,17 e 8,77 como melhores notas. Pupo passou com 14,33, com notas 7,80 e 6,53.

Logo na sequência, na 13ª bateria, Adriano de Souza, o Mineirinho, também garantiu a passagem à próxima fase. Porém, o líder da bateria foi o americano Tanner Gudauskas, com 14,93 (7,60 e 7,33). Mineirinho ficou em segundo, com média de 13,17 (7,10 e 6,07).

Outros quatro brasileiros que competem na elite do surfe também disputam a primeira fase do QS de Maresias nesta quarta-feira. Jadson André está na 17ª bateria, Ítalo Ferreira na 20ª, Miguel Pupo na 21ª e Filipe Toledo, o Filipinho, na 24ª.