Mick Fanning (Foto:  WSL / Kirstin Scholtz)

Mick Fanning sagrou-se campeão da etapa de Jeffreys Bay, na África do Sul (Foto: WSL / Kirstin Scholtz)

LANCE!
16/07/2016
15:11
São Paulo (SP)

O esporte é repleto de histórias de superação. Porém, talvez nenhuma seja tão inspiradora quanto a de Mick Fanning. O surfista australiano chegou à final da etapa de Jeffreys Bay do Circuito Mundial (WCT) no ano passado, mas viu a mesma ser cancelada após ele ser atacado por um tubarão. Nesse ano, no mesmo local na África do Sul, sagrou-se campeão.

O tricampeão mundial definiu antes mesmo do início dessa temporada que disputaria apenas algumas etapas do campeonato, a fim de priorizar seu descanso. Desde o começo, a competição na África estava em seus planos.

Na manhã deste sábado (de Brasília), Fanning disputou as quartas de final em J-Bay contra o brasileiro Filipe Toledo, o eliminando por 17,64 a 16,40. Na semi, despachou seu compatriota Julian Wilson por 17,10 a 15,17. Apesar de tirar notas acima de nove pontos em ambas as baterias, guardou o melhor para o fim.

Na decisão na África do Sul, o australiano derrotou o havaiano John John Florence após surfar apenas quatro ondas. No somatório, suas notas 9,93 e 7,77 (17,70) superaram as 8,50 e 8,63 (17,13) do adversário. Dessa forma, Mick Fanning garantiu uma das maiores histórias de superação desse ano, enfrentando o maior medo de qualquer surfista e sagrando-se campeão em Jeffreys Bay.

Com o resultado da etapa, o australiano Matt Wilkinson segue na liderança do campeonato, com 34.250 pontos, seguido por Florence (31.900) e Gabriel Medina (29.200). O atual campeão, Adriano de Souza, o Mineirinho, aparece na quarta colocação, com 24.400 pontos, seguido por Fanning, que disputou quatro de seis etapas, e já somou 23.450.

Confira abaixo a classificação do campeonato (dez primeiros):
1 - Matt Wilkinson (AUS) - 34.250 pontos
2 - John John Florence (HAV) - 31.900
3 - Gabriel Medina (BRA) - 29.200
4 - Adriano de Souza (BRA) - 24.400
5 - Mick Fanning (AUS) - 23.450
6 - Ítalo Ferreira (BRA) - 22.250
7 - Jordy Smith (AFS) - 21.200
8 - Michel Bourez (PYF) - 20.700
9 - Julian Wilson (AUS) - 20.000
10 - Sebastian Zietz (HAV) - 19.750
12 - Caio Ibelli (BRA) - 19.450
13 - Filipe Toledo (BRA) - 18.450
14 - Wiggoly Dantas (BRA) - 18.400
22 - Miguel Pupo (BRA) - 12.700
28 - Alejo Muniz (BRA) - 10.250
29 - Jadson André (BRA) - 7.750
38 - Alex Ribeiro (BRA) - 3.000