Brasil x Argentina

Renda do clássico sul-americano foi a segunda maior na história do futebol brasileiro (Foto: AFP PHOTO)

LANCE!
10/11/2016
23:44
Belo Horizonte (MG)

As 54.490 pessoas que foram ao Mineirão nesta noite de quinta-feira para acompanhar Brasil x Argentina fizeram parte da partida com a renda mais elevada em jogos da Seleção. Com ingressos que variaram de R$200 até R$800, o dinheiro do confronto foi de R$12.726.250,00.

Em junho de 2014, o Brasil venceu a Sérvia por 1 a 0 em um amistoso que levou 63.280 pagantes ao Morumbi e gerou uma renda de 8.693.940,00, valor mais alto em jogos da Seleção até então. A segunda maior renda também havia ocorrido em um amistoso, no empate em 2 a 2 contra a Inglaterra, em 2013, no Maracanã (57.280 pessoas e renda de R$ 8.615.730,00).

Apesar do recorde em jogos da Seleção, a vitória por 3 a 0 contra a Argentina não superou a renda da final da Copa Libertadores de 2013. Na ocasião, o Atlético-MG recebeu o Olimpia e o estádio contou com 58.620 presentes, gerando uma renda recorde de R$ 14.176.146, a maior do futebol brasileiro.

Com o resultado, o Brasil segue liderando as Eliminatórias da Copa de 2018, agora com 24 pontos, um a mais que o Uruguai, segundo colocado. Já a Argentina já soma quatro jogos sem vencer, permanece com 16 pontos e estaciona na sexta colocação, com 16 pontos e fora da zona de classificação.