Renato Augusto pela Seleção Brasileira (Foto: Pedro Martins / MoWA Press)

Renato Augusto pela Seleção Brasileira (Foto: Pedro Martins / MoWA Press)

LANCE!
05/10/2016
20:13
Natal (RN)

O rodízio de capitães continua na Seleção Brasileira. E chegou a vez de Renato Augusto, que vai usar a faixa no confronto desta quinta-feira, contra a Bolívia, em Natal.

O meia recebe a responsabilidade no terceiro jogo com Tite no Brasil, após Miranda e Daniel Alves. E o jogador, que já fora um dos líderes na Seleção olímpica, garante que não vai ter mudança de postura por causa disso.

- Não vai mudar nada, vou continuar agindo da mesma forma. Se eu fui escolhido é porque tive algumas características e o professor enxergou para ser o capitão, então não posso mudar. É continuar falando como eu falo, dentro e fora do campo, isso me credenciou - disse Renato, que relembrou a experiência com Tite no Corinthians:

- Tínhamos rotatividade da faixa de capitão no Corinthians para dividir essa responsabilidade. É uma honra muito grande, estou muito feliz por isso, mas o importante é vencer o jogo, independentemente de quem tem a faixa.


O treinador, que concedeu coletiva nesta quarta, elogiou o meio-campista.

- Renato desenvolveu inteligência tática fora dos padrões. Ele tem a capacidade de compreender e transmitir o que está pensando. Ele tem discernimento. Ele é autêntico, uma característica que eu gosto muito. Ele fala pela frente - afirmou Tite.

Com Renato de capitão, o Brasil entra em campo contra a Bolívia na Arena das Dunas às 21h45 desta quinta-feira, pela nona rodada das Eliminatórias.