Coronel Nunes, presidente da CBF, na Conmebol (Foto: Igor Siqueira)

Coronel Nunes, presidente da CBF, na Conmebol (Foto: Igor Siqueira)

LANCE!
29/02/2016
18:31
Rio de Janeiro (RJ)

A CPI do Futebol agendou para a próxima quarta-feira o depoimento do presidente em exercício da CBF, Coronel Nunes.

No entanto, isso não quer dizer que o dirigente comparecerá porque a CBF ainda não assinou a notificação enviada por correio de Brasília.

Segundo a assessoria do senador Romário, presidente da Comissão, o documento foi enviado na sexta-feira e por duas oportunidades o carteiro não encontrou ninguém para assinar o recebimento.

O staff do Baixinho defende que Coronel Nunes tem que comparecer mesmo sem o recebimento físico da notificação porque houve uma intimação por e-mail na quinta-feira passada.

A assessoria da CBF não confirmou a ida ou não do Coronel Nunes à CPI.