(foto: William Correia)

Torcida faz protesto pacífico e cobra diretoria antes do jogo no Morumbi (foto: William Correia)

William Correia
18/06/2017
15:30
São Paulo (SP)

A torcida do São Paulo se manifestou contra a diretoria antes do jogo com o Atlético-MG, neste domingo, no Morumbi. De forma pacífica, a organizada Torcida Independente estendeu faixas que exigiam ambição por títulos, a renovação de Lugano, e criticavam o a negociação de atletas formados no Centro de Formação de Atletas do clube, em Cotia (SP).

""Imobiliária Cotia: só serve para vender e alugar", dizia uma das faixas. Outra, com os dizeres "As tuas glórias vêm do passado", usou a referência ao hino tricolor para exigir novas conquistas à diretoria. A Independente já havia se manifestado nas redes sociais no sábado, quando o título da Libertadores de 92 completou 25 anos e o perfil oficial do São Paulo relembrou o jogo em tempo real. 

"A libertadores só teve importância depois que o SPFC foi campeão. 
Hoje Viveremos a moda antiga. Glórias do passado, vergonha do Presente.  Time Grande não cai? Tri Hexa único? Tri mundial? Soberano? Até quando ficaremos vivendo de passado? Ambição por títulos Diretoria", escreveu o perfil da torcida. 

Os manifestantes também cobraram do presidente Leco a renovação do zagueiro Diego Lugano. "Lugano 7 jogos, não joga por quê?", dizia uma faixa. O ídolo tem contrato até o dia 30 e dá prioridade para renovar com o São Paulo, mas, como recebeu sondagens de equipes estrangeiras, só vai esperar posicionamento do clube até a próxima semana. A torcida afirma que sua contratação teve motivação política, por isso o jogador não ganha chances de atuar, enquanto o criticado Lucão segue jogando. 

Também havia uma faixa com os dizeres "Unidos pelo SPFC" para mostrar o apoio ao clube, a despeito das críticas e cobranças aos dirigentes. O último título expressivo do São Paulo foi a Copa Sul-Americana de 2012.