Atlético-MG x São Paulo

Maicon comemora o gol da classificação do Tricolor para a semifinal (Foto: DOUGLAS MAGNO/AFP)

Marcio Porto
19/05/2016
06:46
Enviado especial a Belo Horizonte (MG)

O zagueiro Maicon viveu uma noite memorável nesta quarta-feira. O jogador foi o autor do gol da classificação do São Paulo para as semifinais da Libertadores, conquistada após a derrota de 2 a 1 para o Atlético-MG. Mas o que pouca gente sabe é que o triunfo do defensor veio em um dia muito especial. Quis o destino que Maicon virasse herói no dia em que completou sete anos de casado com a sua esposa.

- Só pensei em comemorar quando marquei o gol, porque além da importância da partida, hoje faz sete anos que me casei, estou com minha esposa, e tinha dito a ela que iria fazer um gol - contou o zagueiro, logo após colocar o São Paulo na semifinal.

O gol do zagueiro foi ainda mais importante porque aumenta as chances de ele permanecer no São Paulo por mais tempo. Maicon tem contrato de empréstimo até 30 de junho e terá de estender o vínculo para disputar as semifinais da competição sul-americana. Caso o Tricolor tivesse sido eliminado, os esforços da diretoria certamente seriam menor para mantê-lo.

- Só Deus sabe se jogarei as semifinais. Querer eu quero, já deixei minha vontade explícita. Agora vamos ver o que a diretoria vai definir - afirmou o camisa 27, que caiu nas graças da torcida.

Maicon marcou seu segundo gol pelo São Paulo. Além do épico contra o Galo, fez também na vitória por 2 a 1 sobre o Oeste, no Morumbi, pelo Campeonato Paulista. Na ocasião, também desperdiçou um pênalti.