Chavez - São Paulo

Chavez está emprestado pelo Boca Juniors (ARG) até julho do próximo ano (Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)

LANCE!
31/08/2016
17:53
São Paulo (SP)

Em sete partidas, Andres Chavez soma quatro gols pelo São Paulo, em início que supera até o desempenho de Jonathan Calleri no clube. Mas há outras metas alcançadas pelo compatriota que o Comandante quer buscar, objetivos que se misturam. Para cair de vez no gosto do torcedor, marcar sobre um rival e vencer um clássico pode ser determinante.

- Fico contente por conseguir números bons, é importante pra mim fazer gols, pois sabia que a expectativa sobre mim estava alta por causa do que o Calleri fez aqui. Então, minha intenção é essa, fazer gols, ser um jogador importante, agora quero marcar também em um clássico, seria muito importante para o clube e pra mim - projetou o camisa 9.

No dia 7 de setembro, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro, o atacante argentino poderá disputar seu primeiro clássico como tricolor. A equipe de Ricardo Gomes vai ao Allianz Parque visitar o líder Palmeiras, em tipo de jogo que não contou com o brilho de Calleri. Jony disputou quatro clássicos, com dois empates, duas derrotas e nenhum gol marcado.

Calleri - West Ham
Calleri foi cedido ao West Ham (ING) (Foto: Reprodução / Facebook)

- Estou com muita vontade de jogar um clássico, ainda mais contra um rival que está acima da gente na tabela. Vivo a expectativa de chegar da melhor maneira e atuar bem. Temos uma semana para treinar bastante e pensar na partida. Na Argentina joguei muitos clássicos, me lembro muito do Boca Juniors contra o River Plate, um clássico muito conhecido no mundo. Tenho essa experiência. Tomara que eu consiga ganhar um clássico pelo São Paulo logo de cara - disse.

No total, o agora atacante do West Ham (ING) disputou 31 partidas e anotou 16 gols, em média de 0,51 tento por jogo. O início foi arrasador, com três gols em duas apresentações, mas a quarta chance convertida só aconteceu depois de mais 12 duelos. Já Chavez atingiu os quatro gols em somente seis confrontos e tem média de 0,57 tentos por partida.