Levir Culpi

(Foto: Marco Galvão/Fotoarena/Lancepress!)

LANCE!
22/10/2017
20:27
Santos (SP)

O técnico Levir Culpi declarou após a vitória neste domingo sobre o Atlético-GO,  por 1 a 0, que pensou em pedir demissão do Santos na última semana. Com a sequência de três empates no Brasileirão, a diretoria marcou uma reunião na sexta-feira para decidir o futuro do treinador, porém, o manteve. 

O comandante definiu a situação como "circo" e "uma palhaçada". Contra o Dragão, parte da torcida do Peixe vaiou Lucas Lima e Zeca, além do próprio Levir.  

- Erramos muito. E quem da torcida erra menos do que nós? Está tendo um julgamento absurdo. Pensei em sair por minha conta. Uma palhaçada. Um circo - explicou.

Além do discurso, Levir afirma que está na hora de pensar em encerrar sua carreira como técnico, mas logo volta atrás e ressalta que não conseguiria viver sem a emoção do futebol

- Tenho que começar a pensar na minha parada de ser técnico, mas não tenho a capacidade de viver sem essa emoção. Ainda tenho forças para seguir. As mágoas, coisas erradas... Temos o mesmo sentimento. É uma situação difícil de engolir. Fica essa oscilação do céu para o inferno... Ela está ficando bem mais rápida. Vamos seguir, nada me surpreende nessa época da minha vida. Nada. Essa explosão emocional das pessoas, tenho procurado estudar sobre isso - disse.